Prefeitura decreta mais 20 anos de Revoltas da Catraca!

IMG_2008

Em alguns meses vamos comemorar os 10 anos de uma rebelião popular que tomou as ruas da cidade. A primeira Revolta da Catraca começou por conta de um aumento nas passagens de ônibus, que faria com que Florianópolis tivesse a tarifa mais alta do país na época. Durante mais de um mês o povo resistiu nas ruas: bloqueou os terminais, fechou as pontes que ligam a ilha ao continente e, apesar de toda repressão policial, conseguiu que o governo voltasse atrás na sua decisão sobre o aumento. O que se estava combatendo nas ruas não era só o preço da passagem. O povo se insurgia contra um modelo de transporte em que o lucro é o que mais importa.

Uma década se passou e nada foi mudado na lógica desse sistema. Nós não ficamos quietos em momento algum. Ora sob a forma de grandes manifestações de rua, ora de maneiras mais invisíveis e subterrâneas, estivemos durante todo esse tempo enfurecidos e colocando em xeque a lógica que diz que nossos direitos devem ser tratados como mercadorias. Questionamos essa lógica que impõe que um serviço que beneficia toda a cidade deve ser pago pelo usuário, a lógica que exclui milhares de pessoas do direito à cidade em benefício do lucro de uns poucos empresários que exploram o sistema de transporte. Nessa década que se completa, assistimos prefeitos e prefeitas prometerem melhoras e tirarem de suas cartolas soluções mágicas que iriam resolver os problemas desse sistema sem sequer tocar na sua lógica estrutural. Enquanto isso, o trânsito ficava cada vez mais caótico, as filas cada vez maiores e as passagens cada vez mais caras.

A população tomou as ruas em praticamente todos os anos que se passaram para dar um recado bem claro: esse sistema está falido e precisa de uma mudança radical! Mas os ouvidos dos governantes se mostraram tapados para a população e arregaçados para o dinheiro. Nessa “nova” prefeitura de César Souza Júnior, a coisa não está sendo diferente. Na manhã de ontem, dia 03/02, foi apresentada a proposta das empresas para explorar o sistema de transporte coletivo por mais 20 anos. O evento, por lei, deveria ser público, mas a prefeitura, usando a Guarda Municipal, impediu a entrada de todos os presentes, alegando que não haveria espaço. Ora, se o evento era público por que não o fizeram em uma sala ampla? Não o fizeram porque não querem que a população se intrometa nos negócios do transporte.

Em meados do ano passado, quando o edital que regulava a “nova” licitação ainda estava sendo elaborado, tentamos diversas vezes garantir que a população fosse ouvida sobre essa medida que irá influenciar diretamente na vida de todos. Fizemos assembleias populares, entramos com processos legais, ocupamos as ruas, exigimos audiências públicas e, já cansados com a falta de diálogo do Prefeito Júnior,  jogamos fezes na prefeitura, devolvendo aquilo que o prefeito estava oferecendo para a cidade. Não foi só na questão dos transportes que essa prefeitura negou completamente qualquer possibilidade de participação popular. No Plano Diretor foi a mesma coisa: anos de discussão comunitária jogados no lixo e porrada da polícia pra quem quis se manifestar contra o atropelo da prefeitura e dos vereadores.

O prefeito César Souza Júnior é um cagão porque não quer enfrentar os interesses de meia dúzia de empresários em nome da população de Florianópolis. O edital elaborado pela prefeitura não prevê nenhuma melhoria real que transforme a lógica com que se opera hoje a mobilidade urbana na cidade. Não nos enganemos: a passagem pode até diminuir nos próximos meses, mas o edital da prefeitura prevê aumentos em todos os próximos 20 anos, não propõe novas formas de financiamento para o transporte, não prevê integração entre as regiões da Grande Florianópolis e não altera em absolutamente nada a lógica lucrativa, excludente e ambientalmente agressiva que manda na mobilidade de Florianópolis. O consórcio que irá operar o transporte se chama “Fênix”, uma máfia organizada, formada pelas mesmas empresas de sempre: Transol, Estrela, Emflotur, Insular e Canasvieiras. “Fênix” é uma ave mitológica que ninguém consegue matar porque ela ressurge de suas próprias cinzas toda vida. Esse pássaro é o símbolo da imortalidade e foi escolhido pelos empresários do transporte porque eles acreditam que seu lucro também nunca terá fim! Parecem ter escolhido esse nome como provocação. A cada vez que a concessão termina, aparecem esses mesmos empresários para lucrar com nosso direito de ir e vir por mais 20, 30, 60 anos…  A parte boa da mitologia é que a Fênix sempre acaba pegando fogo.

O que o Prefeito Júnior acaba de fazer terá consequências para os próximos 20 anos. Ele optou por não ouvir a voz do povo nas ruas, ele escolheu fechar o diálogo e proibir a participação popular. César Souza Júnior é um covarde que não tem coragem de desobedecer os setores mais ricos da cidade! O povo está cansado e não quer mais pagar as tarifas abusivas de um transporte ineficiente e desintegrado, que só serve para encher os bolsos das empresas. Nós exigimos a Tarifa Zero, o Passe Livre pra geral. Nós exigimos que o transporte seja tratado como um direito e que se mude imediatamente a forma de ver a cidade. Nós exigimos mais dignidade à população de Florianópolis e convocamos a todos que se juntem nessa luta por uma vida sem catracas. Se a prefeitura quer conflito com a população, é isso que ela terá, pois não se pisa em cima de nossos direitos.

Que venham mais 20 anos de revoltas!

1091624_646135098797480_455292353_o

1654673_646133778797612_1954262738_o

1737716_646128332131490_247942407_o

**Quando deixaram entrar (apenas 15 pessoas) na sessão “pública”, eles já haviam aberto os envelopes e havia um guarda municipal a cada 2 pessoas dentro da sala. Vale isso? Não.

IMG_2028 IMG_2051

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑