MPL em debate! 16/07 às 15h, no SEEB

Desde o início do ano temos nos proposto a realizar atividades de formação política de maneira mais sistemática. Nosso objetivo é construir uma cultura de reflexão sobre a luta. Planejamos seminários mensais, entre outras atividades, que tratem de temas relacionados ao direito à cidade, mobilidade urbana e tarifa zero.  Mas também achamos importante pensarmos uma formação política mais ampla.

A idéia é colocar o MPL em debate mesmo! Queremos nos reinventar e dar continuidade à luta. Sentimos que estamos perdendo o hábito de debater, refletir e registrar nossas idéias e práticas, o que nos parece fundamental para que continuemos construindo-as da maneira mais plural, democrática e anticapitalista possível.  Sem prática e reflexão nossos princípios perdem o sentido e não nos ajudam a transformar o mundo em um lugar mais justo, democrático e livre.

Por isso achamos que um bom começo seria convidar pessoas que já fizeram (e fazem) isso para contribuir com a gente.

A professora Janice Tirelli, responsável pelo Núcleo de Estudos da Juventude Contemporânea (NEJUC), acompanha o Movimento Passe Livre desde que surgimos. Ela participou de alguns encontros e atividades do movimento, além de ter orientado pesquisas sobre o tema. Além de pesquisadora, é militante do movimento comunitário e por isso seu envolvimento com o MPL nunca é estritamente acadêmico. Atualmente contribui com construção do Plano  Diretor Participativo no Núcleo Distrital do Campeche.

Aqui você pode baixar um artigo dela: Juventude, contestação e a política de pernas para o ar:O Movimento Passe Livre em Florianópolis.

Leo Vinicius Liberato é nosso amigo e companheiro de movimento, militou no  MPL-Floripa até pouco tempo atrás. Ele é pos-doutor em filosofia pela USP e  doutor pelo departamento de Sociologia Política da UFSC com a tese Expressões Contemporâneas de Rebeldia: poder e fazer.  É o autor dos livros A Guerra da Tarifa e A Guerra da Tarifa 2005: uma visão de dentro do Movimento Passe Livre em Floripa, importante registro das revoltas contra o aumento e as mudanças no sistema de transporte coletivo, que ocorreram em 2004 e 2005.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑